quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

E para 2011?


É confortavelmente instalado na poltrona da 1ª. Classe do Google (que, com seus dois “O”s e dois “G”s poderia ser também o nome de algum “wide body” ou “gros porteur" ou se preferirem, um avião de grande porte) que fiz a seguinte pergunta ao mesmo( o Google, claro):
“O QUE EU QUERO PRA MIM EM 2011?”
Após descartar as respostas dos profissionais de RH ou dos profetas da Auto-ajuda ou ainda dos especialistas em tarôts e demais holísticas*, destaquei respostas como as:

-da Michelle do ABC que quer finalmente mudar-se para o seu apê!

-da Antonella de Trapani-Itália, que gostaria de manter com ela toda a força e a coragem que demonstrou para si mesma, em todo o ano de 2010!

-do “Mestre do Pedal” de Torre de Moncorvo-Portugal, que respondeu: “Eu apenas desejo não ser atropelado”

-da blogueira, ainda em Portugal, que se identifica apenas como mãe do Mathias, que acaba de criar um blog para que seu filho saiba “como cresceu” e, em 2011 quer apenas continuar registrando todos os seus momentos!

-do Stéphane, de Nice, que em 2011, se compromete, entre outras coisas, a ajudar todos aqueles que pretendem se interessar pelos jovens, favorecendo os novos empregos, encontrando regras e astúcias que permitam aos empreendedores assumirem riscos!

-da Sandy, do departamento 59-França, que com apenas 21 anos, se diz preparada e em 2011 quer “ter o seu bebê” junto com seu companheiro.
-da Magic Paula que afirma: “o que foi positivo (em 2010) deverá se tornar a mola propulsora para os melhoramentos que deverão ser feitos daqui pra frente”

-da Clélia (de Biarritz), sem idade, que criou uma caixa postal onde as pessoas podem depositar os seus votos até às 23h59 da sexta feira, 31/12;

-da Sabine, de Marignane-França, que após contar a história do escargot, com sua vistosa carapaça, e que adorava contar aos outros as suas pequenas desgraças e nunca mudava nada em sua vida de escargot. Daí ela extrai a seguinte moral (da história)
« se você não muda nada, nada mudará...
Um pouco mais da mesma coisa, dará um pouco mais da mesma coisa... »

-do Tristan, de Lake Mary-EUA, que em 2011 quer “SerAquele”:
-que estende a mão para quem não consegue se levantar,
-cujas palavras produz o combustivel para chegar até o outro lado,
-que acha o tempo para mostrar aos outros como eles podem ser brilhantes,
-que persevera, quando todos já desistiram,
-que se aventura, quando todos por medo não ousaram.

-Do Christian, de Genebra, que lança várias idéias de ações simples e eficazes para fazer de 2011 um ano de plenitude e sucesso:
-mantendo contato com os amigos,
-gastando menos tempo na televisão e no computador,
-indo à praia no outono e no inverno,
-anotando as suas boas idéias,
-dedicando-se a algum tipo de arte: pintura, fotografia, escritura,
-melhorando sua estima pessoal ao frequentar mais pessoas que gostam de você como você é! Etc.
Aí estão os desejos, as dicas, os conselhos, de todas as partes e para todos os gostos. De cada personagem foi pinçado o que julguei mais relevante. A lista seria interminável, mas agora é com você.

O que posso acrescentar, a tudo isso, é apenas o seguinte:

-Ainda em 2010, reserve algumas poucas horas, só pra você, e em um canto tranquilo, sereno e de relaxamento, escreva os seus votos, os seus desejos ou os seus sonhos para 2011.

Seja ambicioso(a), generoso(a) com você mesmo(a) – será muito bom, daqui a um ano, em dezembro de 2011, você retomar essas notas e constatar o quanto você foi competente, aplicado(a) e feliz em cumprir a sua missão como profissional, como amigo ou como pessoa.

Quanto ao resto, saiba:
-curtir o silêncio, pois muito barulho leva a depressão ou ao estresse;
-descobrir uma atividade física ou um esporte que produza as endorfinas - esta droga do bem-estar;
-praticar a tolerância – relaxar as tensões;
-encontrar o tempo para ir dançar: maneira expontânea de expressar a alegria pelo movimento;
-manter uma certa distância dos problemas – uma boa saúde e um espírito sereno são mais importantes;
-lembrar-se que o passado já foi e o futuro ainda não chegou – viva o presente.

E de repente, pensar que, se presentear com uma “profiterole au chocolat” pode fazer com que você passe, e com muito prazer, não apenas 30 minutos, mas duas horas na academia, e pelo chocolate e pelas endorfinas!

Junto com todos os seus, estes são os meus votos, para o seu 2011!

Avila

*de nenhum modo trata-se de uma crítica a todas essas abordagens, que respeito.

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Corridas de Rua - o mais democrático dos esportes

(clique na imagempara ampliar)




2011 está batendo à nossa porta - momento de definir as grandes decisões. Na cabeça de grande parte das pessoas praticar um esporte ou começar uma academia constitui, com frequencia, um deles. Se você for de Campinas as opções são inumeras: Corrida Integração, Corrida TVB, Corrida da Lua, Corrida do Boldrini e muitas outras runs series!
Em 2010, no Marathon des Sables (Maratona do Saara), perto de 1000 corredores estavam na largada, para enfrentar quase 200kms, sob um sol inclemente, tempestades de areia e temperaturas acima de 40 graus. O vencedor, um marroquino, o vencedor fez o trajeto em pouco mais de 16 horas. É claro que ninguém precisa se esforçar ou se dedicar tanto mas isto mostra o quanto a prática de um esporte pode ser envolvemente. Basta começar e se dedicar um pouco e, podemos ficar até mesmo "dependentes".
Pense nisso na hora de começar a organizar o seu ano que novo. Nas imagens, um pouco do clima que reina nesses eventos. Feliz Natal e um 2011 cheio de conquistas, inclusive esportivas. Nunca é tarde, desde que seja agora!
Esporte é saudável, esporte é lazer, esporte é prazer, esporte é saude antes de tudo. Pense nisso. Ficar dizendo "eu quero praticar um esporte" não basta. Saiba antes o que você quer pra você - sabendo a resposta, automaticamente você encontrará o esporte que se adapta melhor: corrida, dança, natação, caminhada, escalada, academia, etc. Bem-estar é sinônimo de corpo ativo: "aguá parada é água morta", corpo parado, definha, atrai doenças, apodrece e morre! Natal, Reveillon, Festas parece um momento inadequado pra dizer essas coisas: no meu ponto de vista é o contrário porque comer além da medida também é sinal de doença. Viverá mais tempo quem comer menos! Eu sei que parece polêmico. Preste atenção aos que estão à sua volta!
Até 2011!

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Volta Internacional da Pampulha – Uma Grande Festa


Volta Internacional da Pampulha – Uma Grande Festa

Uma manhã radiante com um belo sol e muita gente esparramada nos gramados da lagoa da Pampulha. Em torno de 13 mil corredores dispostos a enfrentar os 18 kms. da volta da lagoa.
Como sempre alguns quenianos, tanto no feminino quanto no masculino e desta vez não foi diferente: lá na chegada estavam eles, de modo que o primeiro brasileiro, Damião Anselmo, em 3º. com 54´14” e a primeira brasileira, chegou em 2º com 1h05´59”.

Meu tempo: 1h57´ - O importante foi ter chegado bem. A destacar a lata temperatura (33º. Graus na chegada) e uma forte umidade. Encerrado 2010, agora resta montar a agenda de corridas para 2011. Em princípio duas maratonas, duas meias e as tradicionais 10k de Campinas (Integração, TVB e Corrida da Lua).

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

A Volta da Pampulha - Belo Horizonte MG

(clique na imagem para ampliar)
Nº DE PEITO
6104
CORRIDA - 17.8 KM



Local de meus passeios dominicais, no início dos anos 1970, quase 40 anos depois, retorno para um compromisso sério: fechar a linha que dá a volta à lagoa e após 18kms re-encontrar o ponto de partida da prova. Esta será a 12a. edição da Volta Internacional da Pampulha, onde os quenianos quase sempre dominaram. Irá acontecer no dia 5 de dezembro às 9 horas ou quando iniciar o Globo Esporte da Rede Globo (que o sol nos seja clemente!)




Com a Pampulha fecho 2010 - nada de São Silvestre este ano: data impraticável e muita bagunça! E você, já gastou quantos pares de tênis em treinos/corridas? -Uma dica: entre no site da Runners (www.revistarunners.com.br) e veja na edição de outubro como "derreter 5kg em 5 semanas " ou então como se motivar para começar a correr na edição de novembro no artigo "Xô preguiça": falta de tempo, tédio, "dozrinha chata" etc etc...veja lá como fritar tudo isso e começar a correr. O que mais você precisa pra se convencer que seu momento chegou?
Bons treinos!

domingo, 12 de setembro de 2010

Maratonista ou Maraturista?

((clique na foto para ampliar))

Face ao ocorrido em Punta, uma acomodação adequada talvez fosse se auto-nomear "maraturista" e tocar a vida: mais leve? com menos exigência? Em resumo seria aceitar uma expectativa menor em relação a uma opção, de corredor, que fiz há alguns anos e que tem, de um modo ou de outro orientado muitas das minhas ações nesse período. Quando elegi a corrida como uma atividade importante no meu cotidiano, ainda que cuidando para que não prejudicasse as demais atividades, tinha consciência de que haveria um risco, como por exemplo desistir no meio do caminho. Com o tempo o ato de correr passou a ser uma espécie de espinha dorsal, onde se agregam muitas de outras ações, de maneira natural e quase sempre expontânea.

A decisão firme de correr, sempre o melhor que puder, passou a direcionar uma quantidade enorme de pequenas ou grandes decisões. Explico. Correr não combina com obesidade, então passei a fazer atenção ao que como, correr não combina com cigarros então deixei de furmar, correr não combina com alcool em excesso então passei a prestar atenção no que bebo, correr exige um corpo saudável e forte então tudo que, de longe ou de perto, possa prejudicá-lo, passei a evitar. Diminuir o grau de exigências neste momento seria fragilisar o significado de todas essas conquistas. Continuo portanto maratonista e o turismo acaba sendo a "cerise sur le gateau" (sorry, periferia!).

Falando em turismo, Punta del Este, em particular e o Uruguay em geral, são muito agradáveis: povo simpático, educado, paisagens únicas, comida excepcional, e fica alí tão pertinho! Sem falar nos preços muito inferiores ao de nosso Brasil do real cada vez mais valorizado.

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

E a Maratona de Punta?


Considerei várias maneiras de iniciar este "post". "Correr uma maratona é uma aventura imprevisível" ou "Nunca se está de fato pronto para uma maratona" ou ainda "Você começa mas nunca sabe até onde vai..." etc etc...Qualquer uma dessas introduções seria,já de antemão, a apresentação de uma desculpa. A minha relação com a corrida está mais para uma relação digamos "entre amantes" de que "entre conjuges", sem querer reforçar um cliché. Corro pelo prazer, para me conhecer melhor, para viver momentos só meus ou seja, a corrida é fonte permanente de coisas boas, agradáveis, motivantes.
Feita esta introdução, posso então explicar que, na Maratona de Punta del Este, edição 2010, eu fui somente até o km28. Faltou, digamos uma São Silvestre (15Km) para concluir. Faltou...mas o que faltou? - um cansaço generalizado, imediatamente após a mente concluir que não vai dar. Até então as dores, que porventura haviam, passaram a ser insuportáveis, uma simples reta parecia que não acabava mais. Ainda que as funções principais continuassem adequadas, insistir poderia ser desastroso ou no mínimo arriscado, com possibilidade de acabar em lesões. Decisão sempre difícil e em um primeiro momento, decepcionante além de uma certa vontade de abandonar tudo. Felizmente o bom senso volta rápido e as boas relações entre um físico dedicado e uma mente conservadora se manifestam e o que era fracasso se transforma em apenas mais experiência, o insucesso em combustível para, da próxima vez, fazer melhor.
Em 2011 estarei de volta!

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Minha segunda maratona....em Punta del Este!

((CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIÁ-LA))

Dia 5 de setembro de 2010 estarei na largada dessa que será a 3a. edição da Maratona de Punta del Este - charmoso balneário do Uruguay.
Foram alguns meses de preparação. Além dos treinos orientados, alguns com o pessoal da CUCA, procurei reforçar um pouco com a musculação (panturilhas, joelhos, etc.) na Academia Tribos. Fiz 3 longos, sendo um de 31kms, vários treinos de rampa e alguns poucos de ritmo. Treinos de rampa junto com o reforço muscular melhoraram bastante as panturilhas, onde tive mais problemas nos 25km da Maratona de S. Paulo deste ano. Vou colocar em prática alguns aprendizados com o interessante "Manual de Corrida" do competente Jeff Galloway, que acabo de adquirir. Terei a oportunidade de detalhar melhor posteriormente.
Pela altimetria, muito boa, previsão de temperaturas amenas e, por ser à beira mar, com certeza a umidade do ar será excelente - espero uma corrida tranquila!
Objetivo: concluí-la em até 5 horas!

sábado, 10 de julho de 2010

Spirit of the Marathon - 2007 ultima parte

videoEste será o ultimo capítulo da série "Spirit of the Marathon - 2007" filme exibido na véspera da Maratona de Berlin - 2009.

Desfilar por ruas e avenidas da grande cidade entre torres e viadutos e a sempre calorosa e acolhedora multidão. Às vezes acontece de nossos ouvidos estarem fechados para todo ruido externo, como um filme que passa em camera lenta, outras vezes a simples visão de algumas mal traçadas palavras "Dad you are our hero" faz verterem lágrimas por aquele pensamento distante, em agradecimento à tanta paciência, compreensão e vontade de ir além de seus proprios limites!

A linha de chegada: cenário para as mais diversas emoções - do riso incontido ao choro discreto e silencioso. Ainda existem forças para levantar os braços aos ceus em agradecimento ao privilégio de vencer, todos que chegaram venceram, pois chegar é o coroamento de tantas e longas horas de esforços incontáveis, suores, dores e....alegrias, muitas alegrias!

Obrigado!

Spirit of the Marathon 2007 - partes 8, 9 e Ultima.

Com este post encerro o Filme "SPIRIT OF THE MARATHON" - Partes 8 e 9 como ultrapassam os 100 megas vou colocar apenas os links pra serem vistas diretamente no Youtube. Copie e cole em seu navegador:
Parte 8 - Maratona de Chicago:
http://www.youtube.com/watch?v=up6D36-SBGg

Parte 9 - Maratona de Chicago - chegada da americana Deena Kastor com menos de 2 horas e 22 minutos.
http://www.youtube.com/watch?v=ORHNqLjRp9M

segunda-feira, 5 de julho de 2010

Spirit of Marathon 2007 7a. Parte

videoFaça uma viagem pelo video: observe as pessoas, aprenda a se motivar, a se alimentar, a buscar a saude com as corridas. Um clima de bem-estar, de alegrias, de euforia, de congraçamento. Tudo pela corrida e tudo pela saude. Bons treinos.

terça-feira, 22 de junho de 2010

Spirit of marathon 2007 - 6a. parte

video

Não importa a idade, não importa a cor, não importa a raça - uma maratona é um acontecimento único, memorável, transformador na vida de qualquer pessoa que, um dia, se propõe a enfrentar esse desafio "sobre-humano". Qualquer que seja a motivação e em alguns casos constitui um "ganha -pão" ou o sustento de uma família. Tudo vale, tudo conta quando o que se busca é a superação, vencer o desafio que a mente propõe ao corpo e que, juntos, conseguem vencer - a verdadeira vitória na maratona não é, necessàriamente, chegar primeiro e sim "chegar lá"

domingo, 13 de junho de 2010

Spirit of Marathon 2007 - 5a. parte

Treinos, treinos, treinos...o dominio dos quenianos, Olimpíadas de Roma 1960, maratonistas são pessoas normais. O sonho de chegar!

video

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Spirit of marathon 2007 parte 4

video

A maratona e seus personagens: quenianos, esportistas e pessoas comuns. Histórias pessoais, de vida e a sempre grande emoção da hora da verdade: a largada!

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Spirit of the marathon parte 3

video

Treinos, alongamentos, expectativas. As maratonas de Chicago ( a mais americanda das maratonas) e de Boston que exige o tempo mínimo de 3h30mts como condição para a inscrição.

Bom filme!

segunda-feira, 31 de maio de 2010

Spirit of The Marathon 20072/10

Nesta capítulo veja mais histórias pessoais, desafios, dramas. Conheça o percurso da 1a. maratona e veja o mapa entre Atenas e Maratona na Grécia. Saiba porque a maratona tem exatos 42km195mts. maratona de Londres em 1908. Bom proveito:

http://www.youtube.com/watch?v=OsXVjGfxCXE

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Spirit of the Marathon - o trailer

Este film foi passado antes da Maratona de Berlin 2009 - Muitas histórias, dramas e vitórias nesta aventura fantástica da experiência humana. Nesta postagem apenas o trailer e na sequencia e antes de encerrar vez este Blog irei postar os 10 episódios: uma maneira de fechar com chave de ouro este Blog que começou com minha preparação até a Maratona de Berlin. Está em inglês. Acomode-se confortavelmente, aumente o som (ele é excelente), pegue um drink e deixe-se contagiar pela carga ENORME de emoção de todas essas pessoas.
Só assim você irá entender a frase do atleta: "when you cross the finish line...you change your life for ever" (quando você cruza a linha de chegada -de uma maratona- a sua vida muda para sempre).
Segue o Link:

http://www.youtube.com/watch?v=-8XSit8XyeM

Spirit of The Marathon 1 of 10

video

Aqui o primeiro episódio -tenha paciência, demora um pouco mesmo...

domingo, 2 de maio de 2010

Correr é saudável, alegre, fácil, prazeroso, tranqüilo, sempre? NÃO


O romancista, de histórias de amor, que não escreve sobre desilusões amorosas engana o seu leitor. Falar só de corridas, de maratonas, de superação, de treinos sem mencionar dores musculares, cãibras, “quebras”, “travamento” de um joelho é ser parcial ou no mínimo, incompleto nas informações passadas.
Já escrevi mais de uma vez que, correr uma maratona é algo desumano, uma aberração da natureza das pessoas, do mesmo modo que crianças que nascem siamesas ou ainda bezerros com 3 cabeças! Em alguns casos chega a ser irracional, assim como foi Gandhi em fazer frente (e ganhar pacificamente) ao poder do Império Britânico ou de um Martin Luther King, que um dia “teve um sonho” e menos de 50 anos depois um negro ocuparia a Casa Branca! Ainda: que pessoa racional teria previsto, há 20 anos, que um preso político, negro, se tornaria o maior presidente da história da África do Sul?
Ficaria, portanto, devendo algo se fechasse Blog sem mencionar esse “lado B” do ato de correr. A oportunidade finalmente surgiu na Maratona Internacional de São Paulo, vencida no masculino pelo Queniano Stanley Biwott e a brasileira Marizete Moreira na data de hoje.
Me inscrevi para a maratona, sabendo que pararia no KM25: esta era a escolha que fiz. Até o KM15 estava muito bem, achando inclusive que estava com um tempo 13 minutos menor do que os 15km da ultima(2008) São Silvestre! O que era um equívoco, como será visto a seguir. No KM18 percebi que havia um problema (de calibração) com o meu GPS e os tempos estavam incorretos. Foi um balde de água fria pois nos quilômetro seguintes parecia que se abatiam sobre mim todas as dores possíveis. O que é simples de entender: até então a empolgação anestesiava tudo que era dor. A vontade de caminhar (e não mais correr) era tanta que cada passada era tão dolorida como se para levantar a perna estivesse sendo enfiada uma lâmina na sua panturrilha, isto quando não havia completado nem mesmo a meia maratona (21,1km).
Não houve alternativa: dali pra frente foi caminhar e Meu Deus com que dificuldade! As pedras de gelo, colocadas sobre a pele da perna, atenuava por apenas alguns segundos aquelas dores que saiam de todos os lados.
Foi perto de uma hora para conseguir levar essa situação até a chegada!
Quem leu outros textos meus já deve ter-se deparado com a seguinte frase: “todo comportamento tem uma intenção positiva”, que conjugado com uma outra “não existem fracassos mas apenas feedback” me levou a chegar às conclusões seguintes:
-preparo físico se perde rapidamente,
-ninguém corre uma maratona ou mesmo a meia, sem um treinamento denso, organizado, com técnica e muita dedicação. Tudo que não fiz, ao me preparar para o evento de hoje.
Outras lições, novas constatações: a inscrição para a corrida desse ano foi uma espécie de bônus para os que completaram os 25KM da edição 2009 – o que fez da prova algo sem muito interesse ou valor.
Lição última: só empreender aquilo em que se possa acreditar 100% da sua viabilidade e da sua conveniência. Se não for o caso é melhor esquecer!

www.i-coaching.com.br
"Renascer para uma vida melhor"

domingo, 28 de março de 2010

10 razões para você começar a correr


1 -Correr emagrece -(é uma afirmação e não uma suposição). Entenda porquê. Quando você corre, você passa a prestar atenção no que você ingere. Você encontra pessoas, que estão na corrida há mais tempo e claro, com um corpo mais adequado e moldado para o esporte, então você pensa: porque não posso ficar igual?
2 -Correr aumenta a sua auto-estima. Ao prestar atenção na evolução do seu desempenho, você passa a ter uma maior percepção tambem de seu corpo. Cuidar mais dele é uma consequência natural. Passa a gostar mais de você.
3 -Correr é bom para a saúde (ah é?)- A corrida faz movimentar a maioria de nossas articulações, músculos, oxigena melhor o organismo, acelera o fluxo sanguineo, fortalece o coração etc. etc.
4 -Correr é bom para a mente. O "barato do corredor" ou liberação de endorfinas traz bem-estar, aguça a criatividade, aumenta a sensação de poder, torna você mais comunicativo, expansivo, alegre, simpático às pessoas.
5 -Correr ajuda a fazer (bons)amigos. Você que só tem colegas, está aí a oportunidade de fazer amigos. "Amigo=que ama, que demonstra afeto, amizade", segundo o Houaiss. Amigos de carne e osso, com quem você fala, escuta, discute, sai junto, viaja junto, etc. e com quem pode contar, quando necessitar.
6 -Correr torna você mais cidadão. Quem corre frequenta pistas de corrida, parques, ruas, avenidas; é quando você passa a ter um olhar especial para a cidade que o acolhe, para o seu entorno, para a natureza.
7 -Correr torna você mais disciplinado/organizado. Tempo, horário, disponibilidade são todos conceitos que exigem reflexão, disciplina ou seja nos leva a ter uma vida mais organizada, regrada. Impossivel sair da balada, direto para a meia maratona do domingo!
8 -Correr exige muito pouco, é democrático: apenas um bom par de tênis e...querer algo melhor para si.
9 -Correr combate o estresse e a depressão pois potencializa as defesas naturais contra esses incômodos/doença, com a liberação de endorfinas e encefalinas e distribuindo melhor a energia no organismo.
10 -Correr é para quem quer o melhor para si, em todos os campos da ação humana. Se você chegou até aqui na leitura, posso acrescentar ainda que Correr, como o Coaching, é para aquelas pessoas que querem, para si, mais do que elas tiveram até hoje. O Corredor está sempre em busca de uma marca/resultado melhor, do mesmo modo, quem procura pelo coaching é alguém que, sabendo de seu potencial, não se contenta com resultados medíocres ou aquém das suas possibilidades. http://www.i-coaching.com.br